Ao longo dos anos, o Independent Spirit Awards cimentou o seu status na indústria como principal premiação do cinema independente americano. A proliferação de produções do tipo, impulsionadas por festivais como Sundance, é notada pela frequência de obras de pequeno e médio porte no Oscar, considerado o mais importante evento de Hollywood.

 

Neste ano, o grande ganhador foi “Corra!”, de Jordan Peele, que conquistou estatuetas nas categorias Melhor Filme e Melhor Diretor. Os prêmios de roteiro ficaram por conta de “Lady Bird: A Hora de Voar” e “Doentes de Amor”, recipiente do prêmio especial “Melhor Primeiro Roteiro”.

 

No campo das atuações, a única surpresa ficou por conta da vitória de Timothée Chalamet, que ganhou como Melhor Ator. Cabe dizer que seu maior concorrente, Gary Oldman, não se qualificou para a premiação por “O Destino de Uma Nação” ser um filme de grande porte.

 

 

Confira a lista completa de vencedores abaixo:

 

Melhor Filme: “Corra!”

 

Melhor Ator: Timothée Chalamet por “Me Chame Pelo Seu Nome”

 

 

 

Melhor Atriz: Frances McDormand por “Três Anúncios Para Um Crime”

 

Melhor Ator Coadjuvante: Sam Rockwell por “Três Anúncios Para Um Crime”

 

Melhor Atriz Coadjuvante: Allison Janney por “Eu, Tonya”

 

Melhor Diretor: Jordan Peele por “Corra!”

 

Melhor Roteiro: Greta Gerwig por “Lady Bird: A Hora de Voar”

 

Melhor Documentário: “Visages, Villages”

 

Melhor Filme Estrangeiro: “Uma Mulher Fantástica”

 

 

 

Melhor Edição: “Eu, Tonya”

 

Melhor Primeiro Filme: “Ingrid Goes West”

 

Melhor Primeiro Roteiro: “Doentes de Amor”

 

Prêmio Robert Altman: “Mudbound: Lágrimas Sobre o Misssissippi”

 

Prêmio John Cassavetes: “Life and Nothing More”

 

Prêmio Bonnie: Chlóe Zhao

 

Prêmio “Someone to Watch”: Justin Chon

 

Prêmio Truer Than Fiction: Jonathan Olshefski

 

Prêmio de Produção Piaget: Summer Shelton

Veja Também:

Estreias da semana - 19/04/2018

    Confira quais são as estreias que chegam nos cinemas nesta quinta-feira (19/04):     7 dias em Entebbe...

LEIA MAIS

Ruy Guerra e Tony Ramos debatem "Quase Memória" em Coletiva de Imprensa

Adaptado a partir do livro do jornalista, escritor e membro da Academia Brasileira de Letras, Carlos Heitor Cony, “Quase Memória”,...

LEIA MAIS

Filha de Orson Welles apela para que disputa entre Netflix e Festival de Cannes não interfira na exibição do filme de seu pai

Há pouco mais de um ano, o Mais Que Cinema anunciou a intenção da Netflix em restaurar e finalizar “The...

LEIA MAIS